Home / Brasil / Sociedade BR / Mãe tenta proteger a filha em assalto e as duas morrem abraçadas

Mãe tenta proteger a filha em assalto e as duas morrem abraçadas

Um grupo de homens armados perseguiu um carro, matou a mãe e a filha de quatro anos e deixou um homem ferido, na madrugada de sábado, no Brasil. A polícia acredita que se trata de um ajuste de contas motivado pelo tráfico de droga.

De acordo com a Polícia Militar de Curitiba, a família seguia numa carrinha quando foi abordada por dois homens armados. “A informação que temos é que dois homens dispararam contra a carrinha onde seguia a família”, disse Jéssica Simeão, da Polícia Militar.

Cristiane Munhoz, de 25 anos, e a filha Julia Eduarda, de apenas quatro anos, morreram no local: “Estavam abraçadas e provavelmente foi por isso que a criança morreu. O alvo era o casal”, disse a Tenente. A mãe tentou proteger a menina e conseguiu mesmo sair do carro com a criança ao colo, mas não foi capaz de se desviar dos disparos.

O marido, Rodrigo Camargo, também foi atingido num braço, mas sobreviveu e foi encaminhado para o Hospital do Trabalhador.

Apesar de ainda não ser possível identificar os atacantes, a polícia informou que casal já teve problemas com negócios de tráfico de droga, sendo, assim, provável que o assassinato seja motivado por problemas resultantes dessa atividade.

...